Logon
Blog

Bursite no ombro: o que é e qual o melhor tratamento para a doença

Causada pelo uso excessivo da articulação, inflamação é comum entre atletas, pintores e domésticas

​​Quando surge alguma dor na região dos ombros, é muito comum que relacionemos tal desconforto à má postura, tensão ou a um mau jeito. Além destas, existe outra possível causa que é menos conhecida: a bursiteCaso você não saiba o que é bursite no ombro, não se preocupe, pois o Dr. Daniel Ramallo, ortopedista do Hospital São Lucas Copacabana, vai explicar no texto a seguir. 

O que é bursite no ombro?

A bursite é caracterizada pela inflamação da bursa, um tecido que funciona como uma “almofada" entre os ossos e as articulações, promovendo o amortecimento do impacto de músculos, tendões e ligamentos. No caso da bursite no ombro, além de dor, o quadro também provoca dificuldade no movimento da região. Cotovelos, punhos, dedos, quadris, joelhos, tornozelos e pés são outras áreas frequentemente afetadas por essa condição. 

Qual a diferença entre bursite no ombro e tendinite?

Ambas são inflamações, o que as difere é o lugar acometido. Enquanto a bursite tem origem na bursa, a tendinite ocorre nos tendões. 

Quais são as causas da bursite no ombro?

A principal causa da bursite no ombro é o uso excessivo dessa articulação. Dessa forma, atletas, pintores e domésticas estão mais suscetíveis a apresentar esse quadro. Movimentos bruscos e pancadas provenientes de acidentes de trânsito, por exemplo, também podem dar origem à bursite. 

Quais os principais sintomas?

Tanto a bursite quanto a tendinite no ombro costumam ser temporárias, e seus principais sintomas são:

  • dor no ombro;
  • dificuldade de movimentar ou erguer os braços por conta, justamente, da dor;
  • ​inchaço local.

“A bursite se manifesta por meio de dor local e dificuldade de executar as atividades diárias. É uma inflamação que, se não tratada de forma adequada, pode se tornar crônica e dificultar, progressivamente, a mobilidade e a função do ombro", explica. 

Como tratar a dor?

O tratamento desse problema ortopédico inclui repouso – com indicação para pausa de todas as atividades que possam piorar a lesão –, uso de tipoia para imobilização dos ombros, anti-inflamatórios para alívio da dor e fisioterapia para reabilitação. Em momentos de dor extenuante, uma bolsa de gelo pode proporcionar alívio. Alguns exercícios para bursite no ombro também são de grande ajuda.

“Na fase inicial, alongamento muscular e exercícios pendulares podem ajudar; nas fases intermediária e final, reabilitação, fortalecimento muscular e alongamentos mais específicos completam o tratamento", recomenda. 

Quando devo procurar um médico?

É importante realizar consultas periódicas e, se houver qualquer tipo de alteração, visitar um médico. Para o diagnóstico da bursite, o ortopedista pode solicitar a realização de ultrassonografia ou ressonância magnética para os casos mais acentuados.

“Quanto mais precoces o diagnóstico e tratamento, melhores são os resultados. Dor, incômodo e dificuldade de movimentar o ombro indicam a necessidade imediata de marcar uma consulta, mesmo que sejam de moderada a baixa intensidade", conclui.

Veja mais