Logon
Blog

Dez dúvidas sobre hidratação

Saiba a quantidade de líquido ideal que deve ser ingerida, os principais sintomas da desidratação e muito mais

Ah, o verão! Dias de céu azul, com o sol brilhando e convidando para uma visita à praia, uma caminhada no parque ou uma atividade física ao ar livre. Porém, com as altas temperaturas, é essencial que o corpo seja mantido hidratado para não comprometer a saúde. Para curtir o verão da melhor forma, a dra. Teresa Navarro, coordenadora da Emergência do Hospital São Lucas Copacabana, esclarece, a seguir, 10 questões sobre a hidratação.

Por que o verão deixa o organismo mais propício à desidratação?

Dra. Teresa Navarro: no verão, as temperaturas costumam ser mais elevadas, e o corpo tende a eliminar mais líquido através do suor. Ele é composto de água e sais minerais e, por causa disso, a perda desses dois componentes fica maior nos dias quentes.  

Quais são os primeiros sinais de que uma pessoa está desidratada?

Dra. Teresa Navarro: os primeiros sintomas são sede excessiva e a sensação de boca seca. Depois podem surgir fraqueza, sonolência, tonteira, dor de cabeça e fadiga. O volume de urina diminui e ela adquire um aspecto mais amarelado. Em um estágio mais avançado, a pele torna-se seca e pouco elástica, há diminuição do peso, aumento da temperatura corporal e a frequência cardíaca se eleva. Em último caso, o paciente pode entrar em desidratação grave, apresentando queda da pressão arterial, que pode progredir para choque, desmaio, hipertermia e convulsões, podendo levar à morte.

Qual a quantidade de líquido ideal para adultos, crianças e idosos?

Dra. Teresa Navarro: por causa do excesso de suor, a necessidade de ingerir líquido aumenta. Para o corpo de um adulto, um sinal de que é necessário aumentar a ingestão de líquidos é a sensação de sede – já que, quando sentimos sede, quer dizer que o sangue perdeu água na composição e o organismo está sinalizando que ela precisa ser reposta. Priorizar água e sucos naturais.

Já com as crianças, o cuidado deve ser maior. Muitas vezes elas não conseguem expressar devidamente que estão com sede. Assim, deve-se oferecer água à criança durante todo o dia, em intervalos regulares. Os idosos também precisam de atenção especial, já que têm uma reserva de líquidos menor no organismo e também podem ter dificuldade de perceber a necessidade de se hidratarem. Para isso, deixe água e sucos naturais em lugar de fácil acesso.

Como garantir a hidratação com outros alimentos?

Dra. Teresa Navarro: quase todos os alimentos consumidos diariamente, como carnes, arroz, feijão, legumes, verduras e frutas, têm parte de sua composição em água. Por isso, o consumo desses alimentos também está incluído no cálculo do volume diário de líquidos.

Quais alimentos aumentam a hidratação nos dias quentes?

Dra. Teresa Navarro: outros líquidos, como sucos e água de coco, são boas alternativas. Frutas, sucos e sopas frias também devem ser considerados. Para facilitar a escolha dos melhores alimentos, priorize aqueles com grande composição de água. Para variar a oferta de nutrientes, vitaminas e minerais em cada refeição, é importante variar os sucos, as verduras e os legumes.

Alguma recomendação especial para quem pratica atividade física?

Dra. Teresa Navarro: quem pratica atividade física intensa, o que faz com que a perda de água e sais minerais seja maior, pode tomar bebidas isotônicas e suplementos, porém, nunca sem a orientação de um nutrólogo ou nutricionista, como falamos nesta matéria sobre suplementos e vitaminas (https://bit.ly/2D​l7Ccx). É importante ingerir líquidos antes, durante e depois da atividade física, para não comprometer a saúde.

Como evitar a desidratação no carnaval?

Dra. Teresa Navarro: além de a temperatura ainda estar alta durante o carnaval, é comum que muitas pessoas se reúnam no mesmo lugar, o que pode aumentar a sensação corporal de calor. Manter-se hidratado é muito importante nesse período, assim como optar por ambientes mais ventilados. Outra dica é priorizar roupas e fantasias de tecidos leves.

No carnaval é comum que haja ingestão exagerada de bebidas alcoólicas. Como agir nesse caso?

Dra. Teresa Navarro:  as bebidas alcoólicas, principalmente as destiladas, como a vodca, não promovem a hidratação do corpo. Pelo contrário, elas podem acelerar a desidratação, já que as pessoas costumam não comer ou beber água quando ingerem álcool. O melhor conselho é não exagerar no consumo e alternar a ingestão das bebidas alcoólicas com água ou um alimento sólido.  

Verão também é época de férias. Quais os principais cuidados que os pais devem ter com a hidratação das crianças nesse período?

Dra. Teresa Navarro: é comum que as crianças saiam de seus horários habituais em dias de férias. São passeios, idas à praia e outras atividades que podem alterar os horários das refeições. Os pais devem estar atentos e evitar longos períodos sem que a criança se alimente e que sejam oferecidos líquidos entre as refeições. Escolher roupas leves ajuda a esfriar o corpo nos ambientes quentes.

Dicas especiais para a volta às aulas?

Dra. Teresa Navarro: como o retorno às escolas ocorre ainda no verão, os pais devem providenciar lanches com alto teor de líquidos, dando preferência a sucos, frutas, iogurtes naturais e outras opções desse tipo.


Veja mais