Logon
Blog

Novo São Lucas: crescimento e excelência médica para toda a zona sul

Acreditações, modernização, novas tecnologias e quadro de pessoal altamente especializado proporcionam mais qualidade e segurança assistencial

Considerado o hospital mais tradicional da zona sul da cidade, o Hospital São Lucas Copacabana busca proporcionar a melhor experiência em atendimento médico-hospitalar. Aliando corpo clínico altamente especializado, equipes treinadas permanentemente, modernização em toda a sua infraestrutura e tecnologia de alta complexidade, o São Lucas prioriza as necessidades de seus pacientes desde o momento de sua chegada até a alta hospitalar, oferecendo uma assistência segura e de qualidade. Foram o cuidado e a atenção nos detalhes que transformaram o hospital em uma referência em excelência assistencial, tanto para o público carioca quanto para a comunidade médica.

O empenho no cuidar trouxe frutos. Em 2018, o Hospital São Lucas Copacabana conquistou duas acreditações que reconhecem as práticas de qualidade, segurança e agilidade adotadas pelos médicos e equipes: o Qmentum International Diamond (https://bit.ly/2QLJHKo), pelo Accreditation Canada International (ACI), e a Distinção em Serviços de Emergência, concedida pelo IQG – Health Services Accreditation e pela Associação Brasileira de Medicina de Emergência (Abremede). O primeiro verificou a integralidade do cuidado com o paciente, desde a administração de medicamentos, passando pela higienização dos ambientes, até os protocolos de cirurgia segura. Já o segundo atestou as métricas de atendimento e a triagem praticadas na emergência, e o Hospital São Lucas Copacabana é o primeiro hospital da cidade do Rio de Janeiro a receber essa distinção.

A inovação e o pioneirismo acontecem no dia a dia do corpo clínico do hospital: procedimentos de alta complexidade são uma das frentes de atuação do São Lucas, como o programa de cirurgia robótica – que em apenas um ano e meio atingiu a marca de 500 procedimentos realizados –,  a primeira retirada de rim para transplante por cirurgia robótica no Brasil e a realização de um transplante duplo de pâncreas e rim, depois de 13 anos sem que esse tipo de intervenção fosse feito no estado do Rio de Janeiro.

O reconhecimento veio também de outras frentes: o dr. Lincoln Bittencourt, diretor do Hospital São Lucas Copacabana, recebeu o prêmio “100 Mais Influentes da Saúde” na categoria (https://bit.ly/2ECHqtM) Projetos de Humanização, concedido durante a Feira SAHE (South America Health Exhibition), evidenciando a preocupação do hospital com o ser humano em primeiro lugar.​


Veja mais